Nós criamos

seu site

de advocacia,de doação,de vendas,de empresa,de projeto,de portfólio

Nós criamos

seu site

de advocacia,de doação,de vendas,de empresa,de projeto,de portfólio

Edge computing: novos rumos em tecnologia

por | Atualizado em 22 de março de 2022 | Notícias

Já ouviu falar em edge computing e o que pode fazer pelo futuro da transmissão de dados em rede? Com o avanço exponencial da Internet das coisas – Iot, se tornou importante a implementação de soluções para manter o fluxo de um alto volume de dados em constante funcionamento. A cloud computing, modelo que permite o tráfego de dados na Internet, agora passa a contar com uma nova aliada – a edge computing – ou computação de borda.

Com o crescimento do conceito de data-driven, em que cada vez mais operações e serviços são orientados pelo uso de dados em rede, a arquitetura tradicional de processamento passou a enfrentar o desafio da redução de latência e do suporte para o aumento do tráfego. Como alternativa, surge a edge computing, que permite a transmissão de dados com mais velocidade a partir de uma arquitetura mais enxuta. As estimativas são otimistas, de acordo com o Business Insider. Em 2027, cerca de 40 bilhões de dispositivos vão estar conectados à Iot, o que mostra uma revolução na forma como pessoas e empresas vão se relacionar com suas tarefas diárias.

A Link Nacional está sempre de olho em todas as novidades em tecnologia e marketing digital, para trazer informações que vão ajudar você a otimizar cada vez mais as soluções tecnológicas da sua empresa. Então não deixe de conhecer a edge computing e tudo o que pode fazer pelo sucesso do seu empreendimento!

Continue lendo

Edge computing

O que é edge computing?

A edge computing é uma alternativa para otimizar o tráfego de dados, diante do avanço no uso das tecnologias no dia a dia. Com a amplitude cada vez maior de dispositivos conectados à Internet, por meio da expansão tecnológica e da Internet das Coisas – Iot, a disponibilidade de conexão passou a ser um desafio. Para manter o fluxo de informações em constante funcionamento, com rapidez de acesso, surgiu a necessidade de reduzir a distância entre a computação e a fonte dos dados coletados. É exatamente isso que a edge computing ou computação de borda faz.

Como funciona a transmissão de dados em edge computing?

A Internet das coisas promove o recolhimento dos dados coletados para uma central, que vai processar a entrada e a saída desses dados. Muitas vezes, a distância entre o dispositivo e a central e a largura da banda de internet podem tornar este processo mais lento, mesmo para o 5G. A edge computing, ao contrário, funciona por meio do gateway, um dispositivo intermediário capaz de processar parte das informações, sem que precisem ser encaminhadas à central. O gateway, por estar mais próximo à máquina dos usuários, reduz o tempo de processamento dos dados, agilizando a conexão. Como se localiza no extremo da rede, surgiu o conceito de computação de borda.

Vantagens da edge computing

A edge computing oferece inúmeras vantagens para empresas e seus clientes, que vão desde a redução de custos com infraestrutura e processamento à otimização da velocidade de conexão ao servidor. Confira mais a seguir:

Edge computing | Velocidade na transmissão de dados

Velocidade na transmissão de dados

Em uma rede tradicional, a central de computação é distribuída de maneira global. Assim, o aumento da distância entre o endpoint e o datacenter acarreta o aumento no tempo de resposta. A edge computing reduz a intensidade de dados enviados ao servidor central, otimizando a sua transmissão e gerando ganho de velocidade.

Redução no tempo de acesso

A edge computing reduz a latência, o tempo que a central demora para processar os dados. As plataformas de cloud computing, por exemplo, são centrais que podem ser melhor aproveitadas pela aplicação. Como ela permite o processamento próximo ao local de recolhimento dos dados na rede de Iot, o tempo de resposta é menor.

Suporte para alto volume de dados

A edge computing tem como foco facilitar o dia a dia da Iot, que apresenta crescimento em larga escala ao passar do tempo. Com o aumento no volume de dados em rede, as centrais podem se sobrecarregar, elevando o índice de latência. Em termos práticos, os carros movidos por computação podem adquirir maior autonomia, identificando obstáculos e concluindo trajetos de forma mais eficaz graças à ela. Outro exemplo são as câmeras de segurança com capacidade de processamento de informações, que vão selecionar e armazenar os dados mais relevantes. A revolução da edge computing já começou!

Edge computing | Suporte para alto volume de dados

Edge computing para empresas

As empresas podem usufruir dos benefícios da edge computing, seja por meio do processamento veloz de dados, seja por meio da alta performance que proporciona. Em áreas como saúde, setor financeiro e de marketing, é possível tornar a transmissão de dados mais efetiva e com menores chances de intercorrências. Confira a seguir como ela se aplica na prática.

Edge computing para empresas

Operadoras de telefonia

As operadoras de telefonia já estão na corrida pela redução de latência desde 2019. Assim, a edge computing veio para melhorar a ampliação da infraestrutura local a partir de data centers descentralizados, que vão agregar mais velocidade em menos tempo. Os clientes vão contar com um serviço de qualidade superior com amplitude de alcance, pois o data center vai estar na mesma região em que ele reside.

Instituições Financeiras

Para as instituições financeiras, a era da digitalização de serviços começou há mais tempo. Com a edge computing, os bancos vão oferecer experiências cada vez mais personalizadas aos usuários, a partir de conceitos de realidade virtual e aumentada, por exemplo. Neste sentido, os conteúdos disponibilizados, bem como os produtos e serviços, vão ter foco naquilo que tem relevância e realmente interessa ao cliente. É mais flexibilidade com mais segurança, graças às soluções da inteligência artificial.

Edge computing para empresas
Edge computing | Instituição de ensino

Instituições de Ensino

As instituições de ensino, após o avanço da educação em modelo híbrido ou a distância, precisam de sistemas com capacidade de manter a transmissão de dados contínua, sem a interrupção das atividades escolares ou acadêmicas. Isso é possível por meio da edge computing, com a instalação de micro data centers localizados nas proximidades da fonte de dados. Dessa forma, tanto a aprendizagem em aulas virtuais quanto a promoção de webinários podem ser desenvolvidos com eficácia e garantindo a produtividade no rendimento dos estudantes.

Edge computing e a revolução tecnológica

Para entrar na revolução tecnológica, a sua empresa precisa de parceria especializada, com profissionais capacitados e com ampla experiência em soluções digitais. Aqui na Link Nacional você vai contar com a expertise de uma equipe altamente especializada, antenada com as inovações trazidas pela edge computing.

Trabalhamos com foco na melhoria dos processos digitais e da oferta de serviços em rede, tudo para que a sua empresa possa agregar mais valor à experiência dos seus clientes. Não perca tempo, fale agora mesmo com um consultor e conheça as soluções que só a Link Nacional oferece!

Nós temos a solução!
Redação: Angélica Campos
Angélica é redatora web e produtora de conteúdo. Formada em Letras pela UFMG com especialização em Gestão Pública pela UCDB. Atualmente escreve sobre tecnologia, educação, arte e cultura, mas também se interessa por temas como filosofia, cultura italiana e mídias digitais.
5 3 votes
Vote no Artigo
guest
Por favor entre com seu nome completo
Digite um endereço de email válido para uma possível notificação de retorno.
Número de whatsApp para eventual notificação de resposta.
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Últimos Web Stories

Últimas postagens

Satoshi Nakamoto: mito ou realidade?

Satoshi Nakamoto: mito ou realidade?

Satoshi Nakamoto é um misterioso codinome do criador do Bitcoin, existem muitas especulações sobre a sua identidade, afinal, quem é Satoshi Nakamoto?