Black Friday na Link Nacional - Hospedagem Grátis
Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
pesquisar só Blog
Pesquisar no Site
Filtrar por categoria
cPanel
Criar site
Destaque
E-mails
Hospedagem de sites
Notícias
Registro de Domínio

Entenda como funciona o WordPress

por | Atualizado em 27 de maio de 2020 | Criar site

Como funciona o WordPress? Esta pergunta está na mente de muitos empresários que desejam alavancar seus negócios. Por isso, saiba que essa plataforma pode ser um gerenciador de conteúdo, como também um construtor de sites, blogs e até mesmo lojas virtuais. De acordo com a pesquisa do site W3techs de março de 2020, 63,2% dos websites usam sistemas de gerenciamento de conteúdo e 35,7% do total de sites na internet são feitos com o WordPress. Diante disso, estudantes e profissionais que se interessam pela tecnologia da informação tem buscado aprender e dominar seus princípios. Com isso em mente, falamos um pouco mais sobre essa importante plataforma neste texto. Confira!
Como funciona o WordPress
criar uma pagina no wordpress
wordpress e woocommerce
Plugins WordPress

Como criar uma página no WordPress: 3 passos completos

O WordPress é um CMS (Content Management System), ou seja, um sistema de gerenciamento de conteúdo que, como o nome já diz, tem o objetivo de gerenciar o conteúdo de sites…Saiba Mais

Aprenda como criar um site de vendas com WordPress e WooCommerce

É difícil imaginar um empreendedor que, diante das mudanças observadas no mercado nos últimos anos, não tenha pensado em como criar um site de vendas na internet. A boa notícia é… Saiba Mais

Melhores plugins para WordPress: 5 dicas para otimizar seus projetos!

O WordPress é uma plataforma fantástica para criar seu próprio blog, portfólio ou site de comércio eletrônico. Ele inclui ferramentas para ajudar você a criar um site com… Saiba Mais

Está precisando vender os seus produtos pela internet?

Crie uma loja virtual agora!

Como funciona o WordPress?

O WordPress é um Content Management System (CMS), ou seja, um sistema de gerenciamento de conteúdo que é usado para administrar sites, blogs, lojas virtuais, áreas de membros etc. A finalidade do CMS é organizar o conteúdo de maneira simples e prática, facilitando a criação e a edição do que for preciso colocar ou retirar de uma página web sem precisar usar linguagem de programação. Inclusive, quem for mexer no WordPress não necessita ter conhecimento algum de códigos, basta seguir a forma intuitiva para gerenciar o sistema. Afinal, sua proposta é democratizar o desenvolvimento de sites e blogs profissionais para as empresas, projetos, portfólios ou demais ideias que surgirem. Assim, com ele você pode acrescentar artigos de diversos tamanhos, vídeos, imagens e áudios para tornar o site mais atrativo. Também desenvolver várias páginas, novos menus, categorias etc. Outros benefícios são visualizar e interagir com os comentários dos leitores em cada um dos posts e analisar os dados de acesso para saber quais textos estão chamando mais a atenção do público. Igualmente, transformar o layout das páginas, adicionar, editar e excluir plugins. Ainda, exportar e importar informações do software. Além dessas facilidades, ele também apresenta muitas vantagens, como ser SEO Friendly, gratuito, confiável, seguro e fácil de usar.

Quais as diferenças entre as versões WordPress.com e WordPress.org?

Agora que você conhece algumas das principais vantagens da plataforma, vamos explicar as diferenças entre WordPress.org e WordPress.com, algo que muitas vezes causa confusão. No entanto, tratam-se de versões diferentes da ferramenta e cada uma tem sua função. Conhecer cada uma delas é importante para escolher a mais indicada para você.
WordPress.org vs WordPress.com

WordPress.com

O WordPress.com já é um serviço de hospedagem de sites em que você se cadastra gratuitamente e usa o domínio dele ou pode pagar para ter um personalizado e com mais recursos. Contudo, nesse modelo há limitações de uso, como:

  • não é possível usar temas personalizados, somente os que estão disponíveis na plataforma;
  • pouca personalização nas formas como os links são apresentados;
  • não há como monetizar o blog ou site, a não ser que se contrate os dois planos mais caros;
  • tem exibição de anúncios do WP;
  • a marca e slogan do WP ficam visíveis no rodapé do site;
  • impossibilidade de editar o código fonte;
  • limitação no espaço de armazenamento no plano gratuito ou mais barato.

WordPress.org

O WordPress.org é o site comunitário em que se pode baixar o download do software e do código aberto para instalar em qualquer servidor. Para isso, é necessário já ter o domínio registrado e o servidor de hospedagem contratado.

Dessa maneira, é possível editar, customizar, usar plugins, temas e idiomas conforme sua vontade, uma vez que o código é livre e não há limitação. Esse é um grande diferencial entre os dois formatos.

Para migrar o domínio do WordPress é imprescindível alterar o banco de dados, pois o WP grava a URL onde foi instalado. Com isso, se o domínio é modificado, é necessário fazer um backup dele e substituir sua URL pela nova. Nesse caso, o domínio deve estar registrado no registro.br.

Quais os tipos de sites que podem ser criados por ele?

A plataforma oferece possibilidades à criatividade. É possível personalizá-la para qualquer tipo de projeto, podendo ser ele: um site corporativo, e-commerce, blog corporativo, portal de notícias, portfólio, intranet e extranet, fórum de discussão, rede social, comunidades, plataforma de EAD e muitas outras.

Quais são os elementos do WordPress?

Os elementos no WP são customizáveis e pré-programados. Podendo implementar funções e tarefas no blog ou site de maneira personalizada. Geralmente, eles vêm na forma de widgets, plugins e temas.

Instalação e atualização

O sistema é conhecido por sua facilidade de instalação, que leva apenas alguns minutos. Além disso, as atualizações são feitas automaticamente de maneira simples e constante. Tudo pode ser feito pelo painel de controle. Todavia, quem tem hospedagem com a Link Nacional pode fazer a instalação diretamente no seu CPanel, com apenas um clique.

Sistema administrativo

Já para acessar o painel do WordPress, basta adicionar “/wp-admin” ao endereço do seu site. Ao acessar essa área, você estará trabalhando no backend (do lado de dentro para gerenciar o conteúdo) da sua plataforma. Outro detalhe é que no sistema existem partes pública e privada, assim como o front-end, que é o que o visitante vê do seu site no navegador.

Funcionalidades

O WordPress tem seis principais funções pré-definidas, cada uma com permissão para executar uma determinada tarefa, conhecidas como capacidades. Depois de instalar o software, uma conta de super admin será criada com todas as capacidades para gerenciar os usuários no WordPress.

Veja quais são as funcionalidades:

  • super admin: alguém que tem acesso à administração da rede do blog ou site, com total controle;
  • administrador: quem tem acesso a algumas funcionalidades de administração;
  • editor: autoriza uma determinada pessoa a publicar e gerenciar posts e páginas, inclusive de outros usuários;
  • autor: permissão para quem publica e gerencia seus próprios artigos;
  • colaborador: direcionado para quem vai escrever e gerenciar seus textos, sem poder publicá-los;
  • assinante: quem tem essa funcionalidade só pode gerir seu próprio perfil.

Temas e Plugins

Nesse sistema existem diversos modelos de temas que funcionam como uma camada visual. Para explicar melhor, vamos comparar com o corpo humano. Existe um conteúdo do site, porém, você pode “trocar a roupa” e adotar um estilo diferente sempre que quiser.

Logo, instalar um tema novo no site ou blog muda o seu layout completamente, mas o conteúdo permanece o mesmo. Por esse motivo, o mercado de templates tem crescido constantemente. Há inúmeros temas gratuitos e pagos disponíveis na web.

Mais uma novidade é o DIVI, um tema popular que tem uma estrutura de construção de sites que não precisa acessar código, muito menos de instalação e configuração de plugins desarticulados. Ele é diferente dos demais temas do WordPress.

Contudo, independentemente dos temas utilizados, é indicado ficar atento à velocidade ao usar imagens em excesso, sliders, carrosséis e recursos que podem deixar a página lenta.

Ainda, verifique se o conteúdo está responsivo para que seja aberto em dispositivos móveis, em um tamanho de tela que o usuário não precise dar zoom para conseguir ler.

Plugins WP

Os plugins do WordPress trazem recursos e funcionalidades ao site. Por exemplo, seu celular faz ligações, acessa a internet, tira foto, faz vídeo etc, mas se quiser transformá-lo em uma agência bancária, basta baixar o aplicativo para realizar operações financeiras. Ou seja, eles são os apps do seu smartphone, servindo para gerenciar o conteúdo na internet. Caso queira mudar seu site para e-commerce, basta instalar um plugin para ter esse novo recurso. No WP existem mais de 54 mil plugins gratuitos e pagos, de todos os gostos e para todas as necessidades. Alguns são essenciais para que o sistema trabalhe e devem ser usados, como: Yoast SEO, Google Analyticator, Flare, entre outros.

Segurança

Uma das principais vantagens de migrar para o WP é o nível de segurança oferecido pela plataforma. Visto que as atualizações são constantes, bem como, os plugins são específicos.

Dessa forma, é possível garantir a proteção precisa das informações configuradas no seu site. Por isso, ele é escolhido pelos grandes players de inúmeros setores do mercado nacional e internacional. Afinal, podem confiar seus dados sigilosos a um sistema protegido.

Otimização para SEO

Com o WP é mais fácil realizar a otimização do SEO para os mecanismos de busca. Isso pode ser feito tanto para blogs quanto para sites. Uma vez que seu código é aberto, tem atualização constante e é mobile friendly traz benefícios como: facilidade de trabalho, pode receber protocolos de segurança com certificado Secure Socket Layer (SSL) ou HTTPS, é barato para ser implementado e os plugins ajudam a melhorar o SEO.

Astronauta

Criar site

Guia completo

  • Empresas
  • ONG´s
  • Loja virtual

Escolha um tema

Quando fizer o primeiro login e acessar o painel de controle, instale o tema do seu blog. São inúmeras opções gratuitas e pagas. Para escolher o seu favorito, entre em aparência/temas. Caso tenha algum específico em formato .zip vá em “upload novo” para subir o arquivo.

Personalize o tema

Chegou a hora de deixar o seu blog do jeito que você quer. Acesse aparências/personalizar para modificar as cores, plano de fundo, fontes diferentes, inserir logomarca, selecionar itens e ordem do menu, colocar informações no cabeçalho e rodapé. Uma observação: há temas que oferecem mais alternativas dentro de “nome do tema/theme options”, que fica abaixo do painel.

Ative plugins e widgets

Liste tudo que seu blog precisa, desde formulários de contato, botões de redes sociais, caixa de comentários do Facebook, imagens em carrossel, entre outros. Todos esses plugins estão disponíveis no WP, basta ir em “plugins”, procurá-los e instalá-los. Já os widgets são funcionalidades como as barras de pesquisa, categorias, arquivos, agenda, etc. Esses elementos ficam disponíveis na barra lateral. Inclusive, é recomendável que use widgets como CTAs para enviar seus visitantes ao seu site e gerar leads por meio da newsletter para eles assinarem ou de e-books para baixarem.

Poste o primeiro conteúdo

Com todas as etapas concluídas, é chegado o momento de escrever o primeiro conteúdo do blog. Por isso, faça um artigo direcionado para sua persona e para ser encontrado pelos buscadores.

Use palavras-chave que sirvam de base para o seu conteúdo e a insira no primeiro e no último parágrafos e em um subtítulo para conseguir um bom ranqueamento. Acrescente, também, links internos e externos para que seu leitor continue navegando.

Agora que você viu como funciona o WordPress, deu para perceber que se trata de uma plataforma muito versátil e que serve para atender desde sites simples a sistemas de EAD. Além disso, por ser intuitivo, é fácil de ser manuseado. Diante disso, convidamos você a entrar em contato com a Link Nacional para saber mais sobre o WordPress. Temos uma equipe qualificada e especialista nessa plataforma, para garantir eficiência na presença online da sua empresa.

Compartilhar

5 1 vote
Vote no Artigo
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Últimas postagens

O que é VisaNet?

O que é VisaNet?

VisaNet é uma rede de pagamentos eletrônicos que atua no mundo inteiro conectando pessoas, empresas e Governos.

ler mais
WhatsApp chat